VISION TOPO

Riedel se reúne com secretários para cobrar metas do 2º semestre

O governador de Mato Grosso do Sul, Eduardo Riedel (PSDB), se reuniu com os secretários estaduais para avaliar o trabalho executado durante o primeiro semestre de 2024.

Por Vision News em 09/07/2024 às 23:26:01

O governador de Mato Grosso do Sul, Eduardo Riedel (PSDB), se reuniu com os secretários estaduais para avaliar o trabalho executado durante o primeiro semestre de 2024. Entre os destaques, estiveram os contratos firmados, discussão estratégica e a ação individual de cada uma das áreas abrangidas pela gestão tucana. Pelas redes sociais, Riedel compartilhou trecho da conferência e comentou que está feliz com o comprometimento de cada uma das secretarias. "A gente sai desse encontro com o sentimento de que as coisas estão alinhadas e tudo está indo no caminho acerto. Estamos colocando o Estado dentro de uma agenda extremamente importante para o cidadão, que é o nosso foco". A reunião secretarial de julho ocorreu no Gabinete do Receptivo com a participação dos 15 secretários e seus respectivos adjuntos. "São 18 meses de gestão, em que consolidamos nossa visão. Vamos fazer muitas entregas e no segundo semestre já começar a fazer o planejamento para 2025. Temos muita coisa a fazer", descreveu Riedel. O gestor também pontuou que o foco segue nas políticas públicas. "[...] no desenvolvimento de ações, pensadas em cada uma das regiões sul-mato-grossenses, nos quase 3 milhões de sul-mato-grossenses que nós temos aqui no Estado". Entre os presentes, de acordo com o vídeo compartilhado pelo tucano, estão nomes como Ivanildo Silva da Costa (Procuradoria-Geral), Marcelo Miranda (Turismo), Ana Carolina Ali Garcia (Procuradoria-Geral), Ana Carolina Nardes (Gestão), Eduardo Rocha (Casa Civil) e Antônio Carlos Videira (Segurança Pública). Além de Helio Peluffo Filho (Infraestrutura e Logística), Viviane Luiza (Cidadania), Frederico Felini (Administração), Roberto Gurgel (Administração), Anderson Chadid Warpechowski (Assistência Social), Jaime Verruck (Meio Ambiente), Marina Hiraoka (Controladoria-Geral), Helio Daher (Educação) e Carlos Girão (Controladoria-Geral). Objetivo - Cada secretário teve um tempo disponível para apresentar e fazer sua avaliação sobre os projetos em andamento. Entre eles o programa 'MS Ativo Municipalismo', que envolve ações, projetos e obras nos 79 municípios, nas áreas de saúde, educação, infraestrutura e assistência social. Na cultura houve lançamento dos editais online, reativação de projetos do setor e a volta de grandes espaços, como Casa do Artesão e Centro Cultural Otávio Guizzo. No esporte os eventos estaduais têm a participação massiva dos municípios, sendo inclusive referência nos torneios paralímpicos. O Bolsa-Atleta também se destaca como um dos melhores do país. Na área de infraestrutura existe uma lista de 169 obras que vão seguir para licitação, resultado das demandas indicadas pelos prefeitos de todas as cidades do Estado. Outra prioridade é a restauração de aeroportos em várias regiões. Os projetos de concessões também estão sendo estruturados para o segundo semestre. Outra prioridade é continuar as ações de sustentabilidade, o financiamento de pesquisas que buscam o desenvolvimento do Estado, assim como apoio a agricultura familiar e projetos de qualificação para preencher vagas de emprego em diferentes setores. Um dos pilares da gestão estadual, o contrato de gestão 2024 recebeu 5.507 propostas de iniciativa popular, por meio de uma plataforma digital. Destas indicações, 93% já são atendidas pelo PPA (Plano Plurianual) 2024-2027. Ao todo foram assinados 37 contratos de gestão (secretarias, fundações, autarquias e vinculadas), com a apresentação de 276 projetos e 876 entregas previstas. A avaliação do semestre é que o nível de execução das pastas até agora estão dentro do esperado. Receba as principais notícias do Estado no WhatsApp. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nas redes sociais .

Fonte: Campo Grande News

Comunicar erro
Madeireira Destak

Comentários

MAYFA